As altas temperaturas do Mato Grosso vêm favorecendo a multiplicação da mosca branca

  • -

As altas temperaturas do Mato Grosso vêm favorecendo a multiplicação da mosca branca

As altas temperaturas do Mato Grosso vêm favorecendo a multiplicação da mosca branca, um inseto difícil de erradicação. 

A principal doença transmitida pela mosca, pode comprometer toda a lavoura de soja, e gerar prejuízo de até 15 sacas por hectare. Para sobreviver na lavoura, a praga depende de uma temperatura de pelo menos 32°C. Uma das alternativas de se evitar a sua proliferação é fazendo o monitoramento ainda mais cedo nas áreas de cultivo. Do seu nascimento até a fase adulta, são apenas 19 dias e o impacto do ataque nas lavouras de soja são maiores diante da grande escala de produção da oleaginosa. 

Para evitar os prejuízos com a proliferação do inseto, recomenda-se o monitoramento das possíveis áreas hospedeiras e iniciar o controle no primeiro estágio da praga. 

📸: Foto – Sebastião de Araújo

Foto: Sebastião de Araújo

Nossa localização

Fazenda Jatobá
Rodovia BR 359 KM 32
Costa Rica - MS
Cx. Postal 01 - CEP 79550-000
Tel/Fax (67) 3247-7600
e-mail: germinex@germinex.com.br

Previsão do Tempo

Notícias Agrícolas

Cotação Soja

Apresentação TSI

Grupos de Maturidade e Regiões Geoclimáticas

Germinex 40 anos